quarta-feira, 29 de fevereiro de 2012

Our favourite films - Stardust

Stardust

The film is about a boy named Tristan and his search to find a shooting star in the hope to win the heart of a girl. In his search, he finds out that the star is actually a human girl named Yvaine. Together they have to face dangers like wicked witches, flying pirates, ghost princes. They all want Yvaine but only one of them discovers what is really important in life.
      “Stardust” is a fairy tale for adults. It’s a story with many rich details in which the characters play against each other to win the star. It’s funny, enchanted, magical and unique.
      It has a lot of famous actors like Robert De Niro, Michelle Pfeiffer and Claire Danes. They are amazing in the film, especially Robert De Niro who makes many laughable scenes.
      This is one of my favourite films because it’s about human relationships that are brought to a magical world. It makes us believe that the stars are watching over us; that they are a mistery to be solved. These two ingredients make a perfect combination to a perfect movie.
Maria Pinto, 10º H

Desafia a tua criatividade

Inventa um título/texto/problema suscitado por esta imagem.
Responde nos comentários.

Cavalete da Palavra 10E

Os Contos de Fadas é o tema do Cavalete da Palavra desta semana, da responsabiblidade do 10º E.

Os medos fantásticos!

Abri os olhos. Olhei em redor e vi que me encontrava num sítio particularmente belo, semelhante a uma floresta encantada.
A atmosfera era tranquilizante, ouvindo-se vários tipos de canto de pássaro. A florestação era abundante e perto de mim encontrava-se um lago no qual a água refletia um azul igualmente tranquilo.
Todo aquele local possuía um equilíbrio mágico entre tons de azul e verde, não existindo contraste entre estas duas cores.
Levantei-me e fui até ao lago. Consegui ver a minha face nitidamente refletida na superfície, porém não se conseguia ver o fundo do lago.
Caminhei para o interior da floresta, à procura de algo que não sabia bem o que era. À medida que avançava para o interior, mais sombrio se tornava o ambiente, chegando a um ponto em que a atmosfera tinha tanto de mágica como de assustadora.
(…)
Do meio da vegetação, consegui distinguir uns olhos azuis penetrantes. Ocorria dentro de mim uma luta entre a curiosidade e o medo, não sabendo se me deveria aproximar ou voltar para trás. Por fim, venceu a curiosidade, sentimento que me levou a aproximar dos arbustos. Por trás daqueles olhos penetrantes encontrava-se um tigre anormalmente grande, branco como a neve. Os seus olhos eram frios, apesar de não serem distantes.
(…)
O Tigre gigante parou em frente à entrada. Do sítio onde me encontrava conseguia ver algumas palavras escritas na porta. O felino deitou-se na soleira da porta a olhar para mim com aquele olhar gélido e penetrante.
Aproximei-me e consegui ler a mensagem escrita na porta: “Aqui dentro desta casa estão representados os teus medos. Abre a porta e liberta-os!”
Abri a porta e entrei. Estava escuro e frio lá dentro.
O misterioso tigre desapareceu. A porta fechou-se. Subitamente, vi-me envolvido no meio da escuridão, sem saída, sem destino e também sem medo.

Acordei! Tudo não passara de um sonho.
(…)
Henrique Correia



terça-feira, 28 de fevereiro de 2012

14 projetos portugueses em votação no ArchDaily

O site de arquitetura ArchDaily está a promover a escolha do Edifício do Ano, através de uma votação online que decorre até ao dia 6 de Março. Estão a concurso 70 projetos distribuídos por catorze categorias. A presença portuguesa nos finalistas é numerosa. Deixamos aqui as ligações para a apresentação dos diversos projetos de origem portuguesa, para que possam apreciar e, eventualmente, votar.


No ano passado, foram distinguidos três projetos portugueses: edifício Vodafone, no Porto (Edifício Institucional), a Closet House, em Matosinhos (Interiores) e o bar temporário da Faculdade de Arquitectura do Porto (Hotéis e Restaurantes).

terça-feira, 21 de fevereiro de 2012

terça-feira, 14 de fevereiro de 2012

quinta-feira, 9 de fevereiro de 2012

À Conversa com Eugénio Lisboa

No dia 17 de fevereiro pelas 15:00 horas, Eugénio Lisboa vem conversar com os leitores da MAIOR a propósito do seu mais recente livro "Ler Régio".



Eugénio Lisboa (Lourenço Marques, 25 de Maio de 1930 —) é um ensaísta e crítico literário português.
Licenciou-se em 1953 em Engenharia Eletrotécnica, pelo Instituto Superior Técnico. A sua atividade profissional dividiu-se entre o ramo petrolífero e a docência, que exerceu nas Universidades de Lourenço Marques, Pretória (1974-75) e Estocolmo (1977-78), onde regeu cursos de Literatura Portuguesa. Na Suécia foi também o coordenador do ensino da língua portuguesa. Diplomata, exerceu, durante dezassete anos consecutivos (1978-95), o cargo de conselheiro cultural junto da Embaixada de Portugal em Londres e presidiu à Comissão Nacional da UNESCO de 1996 a 98.
Crítico e ensaísta, dedicou exigente atenção à obra de José Régio. Ainda em Moçambique, co-dirigiu com Rui Knopfli cadernos literários de jornais desafectos ao regime, como A Tribuna e A Voz de Moçambique. Colaborou em numerosas revistas e jornais moçambicanos - Diário de Moçambique, Notícias da Beira, Objectiva, Paralelo 20 - e portugueses - Jornal de Letras, A Capital, Diário Popular, O Tempo e o Modo, Colóquio-Letras, Nova Renascença, Oceanos, Ler, entre outras. É professor da Universidade de Aveiro.
É Doutor Honoris Causa pela Universidade de Nottingham, do Reino Unido (1988). Foi distinguido com o grau Oficial da Ordem do Infante D. Henrique.

(adaptado)

A Crítica Literária em Eugénio Lisboa (PNETLiteratura) >>
Sobre José Régio >>

quarta-feira, 8 de fevereiro de 2012

Our favourite films - 24 Hour Party People

24 Hour Party People

Directed by: Michael Winterbottom

Written by: Frank Cottrell Boyce

Starring: Steve Coogan

Release Date: 5 April 2002

Running Time: 117 minutes

Synopsis:

The story is set in 1976 when English rock was at its peak. Tony Wilson and Alan Erasmus meet in a Sex Pistols’s concert in Lesser Free Trade Hall in Manchester. Motivated by the energy of that concert they decide to begin a Club in Manchester - the Russel Club – where they organize concerts with their favourite bands.

Later they meet Rob Gretton and open Factory Records – record label of bands like Joy Division, Happy Mondays and New Order. However, the freedom that Tony gives his artists leads him to ruin.

Comment: I think it’s a very good movie because it is about the music that I love. I think it is very well directed and the actors were well chosen.

Read the reviews in The Guardian (English newspaper) >>

Francisco Amorim, 10º H

terça-feira, 7 de fevereiro de 2012

Ainda a propósito do
Desafia a tua criatividade

Parabéns aos participantes. Vai haver mais…

Mas de que falava Gonçalo M. Tavares?

“Quando [o senhor Calvino] dormia assim ficava com os pés de fora e não se conseguia libertar da sensação de que estava a cair. E o pior não era a sensação de queda, mas sim o facto de o chão nunca aparecer. Acordava cansadíssimo.”
Tavares, Gonçalo M. (2005). *O Senhor Calvino*. Lisboa: Caminho
pp. 23-24.

Como vês, a imaginação não tem limites…

segunda-feira, 6 de fevereiro de 2012

Cavalete da Palavra 10C

Esta semana o Cavalete da Palavra é da responsabilidade do 10º C. Parabéns pelos textos!

Literacia Informacional: Modelo de pesquisa BIG 6

No âmbito do Programa de Desenvolvimento da Literacia da Informação, estão a decorrer na biblioteca as sessões sobre a pesquisa de informação. Destinam-se aos alunos do 10º ano e o projeto em geral conta com a colaboração dos Diretores de Turma.

O modelo explorado é o BIG 6, criado pelos norte-americanos Berkovitz e Eisenberg, professores e especialistas em Literacia da Informação.

Saber pesquisar, selecionar e tratar a informação numa era em que ela está à distância de um clique é tarefa complicada. O Programa de Desenvolvimento da Literacia da Informação pretende desenvolver nos alunos algumas competências que os tornem consumidores e produtores de informação mais autónomos e responsáveis.

Mais informação sobre o projeto >>

Apresentação de apoio >>

quinta-feira, 2 de fevereiro de 2012

Acordo Ortogáfico: novo recurso

A biblioteca adquiriu o livro "Acordo Ortográfico: as novas regras - todas as palavras que mudam" (Porto Editora).

Organizado de forma clara, concisa e fácil de consultar, o livro apresenta:
  • as novas regras de escrita
  • uma lista das palavras cuja grafia se altera
  • uma breve referência às reformas ortográficas em Portugal.
Procura-o na biblioteca.